Currículo do recepcionista pronto | Exemplos, modelos e dicas de redação

Talvez você tenha acabado de terminar o seu curso de recepcionista e esteja morrendo de vontade de entrar logo no mercado de trabalho, porém não sabe muito bem por onde começar.

Classificação média para este modelo

5
Rated 5 out of 5
De 3 opiniões de clientes

Ou talvez você já trabalhe na área, mas depois de muitos anos na mesma empresa, entendeu que é hora de uma mudança. O problema é que nem se lembra mais como procurar uma vaga e não sabe por onde começar.

O primeiro passo pode parecer óbvio: montar o seu currículo de recepcionista. Entretanto, isso não é tão simples ou fácil quanto parece. Afinal, quem está iniciando no mercado de trabalho pode ficar bem confuso quanto ao que colocar no currículo. Já quem está procurando uma nova colocação na profissão nem se lembra mais como fazer o currículo.

Por que qualquer currículo de recepcionista não serve?

Pode ser que você tenha alguma ideia de como fazer um currículo de secretária recepcionista, mas é preciso ter em mente que montar um currículo de qualquer jeito não basta. Afinal, você vai querer que ele se destaque em meio a tantos outros que a empresa vai receber, não é mesmo?

De acordo com o site Vagas.com.br, a média salarial de um recepcionista no Brasil é de R$ 1256,00. Já a formação que se costuma exigir é a do ensino médio. Logo, é de se esperar que haja certa concorrência na busca por um emprego na área.

Logo, é preciso caprichar muito bem no seu currículo de recepcionista, deixando as suas informações de contato, qualificações e experiências bem claras, para que o recrutador sinta confiança em te chamar para as próximas etapas do processo seletivo.

Exemplo de currículo para recepcionista

Nada como ver um modelo de currículo para recepcionista pronto para termos uma noção de como ele deve ser.

NOME DO PROFISSIONAL

São Paulo – SP
xxxxxx@xxxxx.com.br
(11) 93333-3333  (11) 3333-3333
linkedin.com/in/nomedoprofissional

RESUMO DE QUALIFICAÇÕES

Carreira em evolução na área de Recepção, com experiência no atendimento ao público, suporte imediato a Presidentes e Diretores na execução de suas rotinas administrativas e pessoais, controle de arquivos, elaboração de documentos e gestão do fluxo de informações gerais da companhia, atuando com foco na excelência da comunicação empresarial e otimização de tarefas.

EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL

2018 – atualmente
Nome da Empresa: Empresa de xxxxx porte do segmento de xxxxxxx.
Cargo: Recepcionista.

  • Gerenciamento da agenda de compromissos, triagem de ligações, planejamento de viagens (passagens, hospedagens e transporte), convocação e participação de reuniões e preparação de pautas, atas e relatórios, concedendo à gestão dados necessários para a tomada de decisões.
  • Assistência em cotações, aquisição de materiais e na realização de pagamentos e reembolsos, além de atuar na elaboração de relatórios, criação de planilhas e montagem de apresentações.

2013 a 2017
Nome da Empresa: Empresa de xxxxx porte do segmento de xxxxxxx.
Cargo: Recepcionista.

  • Participação e promoção de eventos, realizando a reserva de salas, auditórios e equipamentos, compra de kits, solicitação de serviços de copa e coffee break, recepção de clientes e condução de visitantes aos locais necessários, zelando pela imagem da instituição.
  • Responsável pela distribuição de correspondências e malotes e administração dos protocolos de entrega, além de atuar na contratação e acompanhamento de serviços de terceiros, assegurando a qualidade, agilidade e excelência na prestação dos serviços.

FORMAÇÃO ACADÊMICA

Graduação em Administração de Empresas – concluída em 12/2014 Nome
da Faculdade – SIGLA.

FORMAÇÃO COMPLEMENTAR

Gestão do Tempo – Nome da Instituição
Redação Empresarial – Nome da Instituição
Como Trabalhar em Equipe E Atingir Resultados – Nome da Instituição

IDIOMAS

Inglês – Intermediário

INFORMÁTICA

Conhecimento em Pacote Office e Internet.

Como escrever um currículo de recepcionista (mesmo sem experiência)

Ok, o modelo ajuda a ter uma noção, mas na hora de colocar a mão na massa podem surgir uma série de dúvidas. Afinal, cada pessoa é única, tem um histórico profissional diferente e é possível que nem tudo possa ser adaptado para o seu caso em especial.

Assim, depois de olhar para o modelo, o ideal é que você volte os seus olhos para si mesmo. Pense a respeito do seu perfil, do tipo de vaga que você deseja conquistar e em quais informações acha importante destacar.

Se não tiver o que colocar em alguma seção, fique calmo, pois sempre é possível adaptar ou fazer substituições.

O que colocar no currículo de recepcionista?

Começar a pensar em todas as partes do currículo aleatoriamente, sem seguir uma ordem, pode ser meio confuso e até desesperador. Pensando nisso resolvemos trazer um guia com os aspectos gerais que você precisa levar em conta no seu currículo de recepcionista:

  • Escolha do modelo que vai usar no seu currículo;
  • Informações básicas e de contato
  • Experiência (ou objetivos profissionais, caso não tenha experiência);
  • Formação acadêmica;
  • Habilidades técnicas essenciais para o cargo;
  • Atividades extracurriculares.

Apresentação visual do seu CV

É normal querer começar já escrevendo o seu currículo, porém, antes de qualquer coisa é preciso pensar no modelo e na apresentação visual. Afinal, ao se deparar com um currículo desorganizado, o recrutador não vai dar muita atenção a ele.

Portanto, antes de começar, tenha em mente tudo o que você precisa seguir para dar uma boa apresentação visual ao seu currículo de recepcionista:

  • Escolha uma fonte legível, como Arial, Times New Roman, Cambria ou Garamond e use essa fonte em todo o currículo;
  • Adote margem de 2,5 e tamanho 11;
  • Separe as seções do currículo (experiência, formação, idiomas, etc…): deixe o título de cada seção em negrito e um pouquinho maior que o restante do texto. Uma boa ideia é deixar no tamanho 14, mas não aumente demais;
  • Ao relatar suas experiências e formações, comece das mais recentes para as mais antigas;
  • Se não tiver muita experiência profissional, dê destaque à sua formação acadêmica e cursos complementares;
  • Salve e envie o currículo em PDF, exceto quando o recrutador pedir outro formato de arquivo;
  • Deixe apenas seu nome, cidade, informações de contato e LinkedIn no cabeçalho.
  • Tente manter o currículo em uma página. Se não couber, corte algumas informações e deixe apenas o que considerar mais relevante.

Título e informações de contato

Com tudo isso em mente, chega a hora de começar a escrever o seu currículo de recepcionista.

A primeira coisa que deve constar no documento é o seu nome e as suas informações de contato. É ali que você vai se apresentar para o recrutador e informá-lo como entrar em contato com você.

Você pode começar dando um destaque ao seu nome com negrito e tamanho maior. Na sequência, avalie se vale a pena informar a cidade e o estado onde vive. Por exemplo, se for um trabalho presencial é interessante deixar claro que você mora na mesma cidade da vaga,

Após, insira o seu e-mail e abaixo coloque os seus telefones de contato. Não se esqueça também de colocar o seu perfil no LinkedIn, uma rede social profissional que alguns recrutadores levam em conta ao fazer a seleção.

Por outro lado, você não precisa dar o seu endereço completo (rua, número da casa, bairro), até por uma questão de segurança. Além disso, não é necessário enviar uma foto junto do seu currículo a não ser que o recrutador tenha solicitado.

Entretanto, não se esqueça de escrever essas informações de maneira legível. Dê destaque a cada dado, não escreva tudo em texto corrido sem dar destaque ou separar cada seção e não coloque informações desnecessárias. Tudo isso dificulta uma leitura mais ágil.

currículo de recepcionista

Demonstre sua experiência como recepcionista

A experiência de um candidato pode fazer toda a diferença no processo seletivo, portanto, esta parte merece um cuidado todo especial no currículo de uma recepcionista. A seção traz mais detalhes ao recrutador sobre o seu histórico profissional e indica como a sua atuação prévia pode ser útil para a vaga que ele precisa preencher.

Geralmente, o cargo de recepcionista tem muitas funções e listar todas pode deixar o currículo longo demais. Lembre-se que o recrutador certamente recebeu várias candidaturas e ler um currículo de muitas páginas provavelmente não é algo que ele deseja fazer.

Portanto, para manter o seu currículo de recepcionista em uma única página, tente resumir as suas atribuições e falar sobre as suas experiências de maneira simples. Da experiência mais recente para a mais antiga, comece destacando a data em que atuou na empresa, o nome da empresa, o ramo da empresa e o seu cargo.

Então, recorra aos bullet points para descrever as suas experiências e comece cada frase com um verbo de ação. Por exemplo:

2018/2019 a atual
Nome da Empresa: Empresa de grande porte do segmento da saúde.
Cargo: Recepcionista.
  • Marcar consultas e exames, orientar pacientes, enviar e receber e-mails, atualizar redes sociais da empresa, organizar reuniões entre médicos, elaborar apresentações e diretores, receber e efetuar pagamentos, dar assistência em cotações de materiais, atender fornecedores, oferecer suporte aos diversos setores da empresa.

Valorize as suas experiências

O exemplo acima traz de um modo bem geral as funções de recepcionista para currículo. Mas, a quantidade de atribuições que uma recepcionista exerce é enorme. Assim, é muito provável que você tenha feito muito mais e até se destacado em outras tarefas.

Portanto, não deixe de citar tudo o que julgar importante, especialmente se você tiver treinado ou chefiado algum setor de recepção. Nesse exemplo, o currículo ficaria assim:

2017 a 2020
Nome da Empresa: Empresa de grande porte do segmento hoteleiro.
Cargo: Chefe de recepção.
  • Liderar os demais funcionários da equipe de recepção, reenquadrar os funcionários em outras funções quando necessário, elaborar cronograma de trabalho, promover atendimento personalizado ao cliente, informar aos clientes sobre os pedidos solicitados por eles.

Caso você ainda não tenha experiência

É possível que você ainda esteja iniciando na carreira e não tenha tanta experiência na área. Ou talvez você esteja procurando aprender como fazer um currículo de recepcionista para buscar o seu primeiro emprego. Nesses dois casos, iremos te auxiliar.

Algo que pode funcionar para dar um enfoque maior à formação acadêmica e complementar, destacando logo no início do currículo os cursos que você já fez, especialmente os que são úteis para a vaga.

Se você já trabalhou, mas nunca como recepcionista, pode valer a pena incluir no currículo o seu histórico profissional em funções similares ou que tenham alguma relação com a vaga.

Por exemplo, um estágio em uma empresa de grande porte, uma experiência como assistente ou outro cargo que exigia habilidades com informática, organização e planejamento.

Outra opção é incluir experiência em empresas do mesmo setor da companhia para a qual você está se candidatando. Se você já trabalhou em uma escola e deseja a vaga de recepcionista de escola, o fato de conhecer como uma escola funciona pode ser um ponto positivo.

Educação: como incluir sua formação acadêmica

Mesmo que a vaga exija apenas o ensino médio, a formação complementar enriquece muito o currículo de recepcionista, já que a profissão exige a realização de toda uma variedade de tarefas.

Portanto, tanto a formação acadêmica quanto os cursos complementares precisam ter destaque no documento. Você pode apresentar a sua formação de modo mais simples ou mais detalhado.

Uma opção que vai mais direto ao ponto é interessante para quem tem bastante experiência e quer enfatizar tanto o histórico profissional quanto a formação. Neste caso, vale mais a pena citar apenas o nome do curso, o grau conferido (se houver), o nome da instituição de ensino, a data de início e a data de conclusão.

Já quem não tem muita experiência pode aproveitar a seção da educação para rechear o currículo, dando mais detalhes sobre a sua formação. Além dos dados acima, é possível citar as cargas horárias, as matérias, o trabalho de conclusão do curso e até alguma premiação que tenha ganhado durante a formação.

Confira os exemplos:

currículo de recepcionista

Habilidades para uma recepcionista no currículo

Além da experiência e formação, uma recepcionista deve ter uma série de habilidades para conseguir exercer o seu trabalho. Portanto, deixe bem claro no seu currículo quais delas você possui. Mas, tenha sinceridade e liste principalmente aquelas nas quais você se destaca.

As habilidades se dividem entre técnicas (hard skills) e interpessoais (soft skills). Confira alguns exemplos:

  • Boa comunicação;
  • Proatividade;
  • Educação;
  • Simpatia;
  • Bom atendimento;
  • Empatia;
  • Paciência;
  • Organização;
  • Autonomia;
  • Domínio do pacote office;
  • Conhecimento em idiomas.

Se houver espaço, pode valer a pena detalhar brevemente como você adquiriu essas habilidades. As técnicas certamente estarão listadas nos cursos da sua formação, mas para as interpessoais pode ser interessante destacar alguma parte da sua vivência.

Por exemplo: a paciência por ter convívio com crianças é um ponto positivo para um cargo de recepcionista de escola. Já a empatia por ter feito serviço voluntário em asilos é muito útil para quem quer trabalhar como recepcionista de clínica médica ou hospital.

Resumo profissional

Incluir um bom resumo profissional logo no início do seu currículo de recepcionista é essencial para prender a atenção do recrutador e instigá-lo a te conhecer melhor. Assim, ele ficará mais animado para continuar a ler o seu currículo.

O desafio é conseguir explicar em poucas palavras o que te define como profissional. Por isso, antes de começar a digitar as palavras no computador, faça uma lista com os seus pontos fortes.

Após, releia o anúncio da vaga e escreva o seu resumo profissional incluindo alguns pontos ali listados. Assim, você já se apresenta como alguém que tem algo que a empresa busca.

Checklist do que incluir no seu resumo profissional

O resumo profissional precisa ser objetivo, mas sem deixar de incluir algumas informações essenciais, como:

  • Tempo de experiência;
  • Áreas em que trabalhou;
  • Formação profissional;
  • Habilidades com idiomas, softwares e outras ferramentas;
  • Certificados e informações complementares úteis ao cargo.

Um exemplo de bom resumo profissional seria:

CORRETO
Experiência de X anos no atendimento ao público, suporte imediato a rotinas administrativas e pessoais, controle de arquivos, elaboração de documentos e auxílio à comunicação. Ensino médio completo e curso técnico em administração de empresas na Instituição X. Conhecimento no Pacote Office e inglês intermediário. Atualmente curso graduação em Administração de Empresas na Faculdade X.

Objetivo profissional para um currículo de recepcionista

O objetivo para currículo de recepcionista pode ser considerado o irmão do resumo profissional em um currículo. Afinal, ele é outra maneira que o candidato tem para fazer uma breve apresentação profissional ao recrutador.

A diferença é que enquanto o resumo profissional foca-se na experiência, o objetivo profissional pode dar mais espaço aos objetivos e habilidades. Portanto, ele pode ser uma ótima alternativa para quem não tem muita experiência.

Caso opte por usar o objetivo profissional no lugar do resumo profissional em seu currículo de recepcionista, pense nas coisas mais relevantes que aprendeu durante a sua formação, nas suas habilidades e em como você pode contribuir com a empresa.

Coloque tudo isso no papel, sem deixar de citar os cursos que já têm e os que ainda está fazendo para enriquecer ainda mais o texto.

Seções adicionais para um currículo de recepcionista

Quando a concorrência por um emprego é alta, as seções adicionais podem fazer com que você se destaque em meio à concorrência. Você pode incluir nelas todas as atividades, experiências, habilidades e até interesses que contribuem com a sua atuação como recepcionista.

Habilidades de informática

Conhecer e dominar o Pacote Office é crucial para qualquer recepcionista e talvez você já tenha colocado isso no seu currículo. Mas, caso tenha mais cursos na área de informática ou habilidades com tecnologia, não deixe de contar sobre elas.

Por exemplo, talvez você goste bastante de redes sociais, fotografe bem, ou seja, bom em edição de vídeos. Mencione tudo isso, pois se a empresa tiver interesse em marcar presença online, as suas habilidades serão extremamente úteis.

Idiomas

Quem tem conhecimento em idiomas também não pode deixar de destacar isso no seu currículo de recepcionista. Afinal, o profissional é o primeiro a receber o cliente e se ele souber atender bem um estrangeiro, a empresa só tem a ganhar.

Ao apresentar os idiomas, deixe claro qual o seu nível de fluência e informe também qual curso fez ou está fazendo. Por exemplo:

Informações adicionais

  • Inglês intermediário – Cursando na Escola x desde 2020.

Interesses e outras informações adicionais

Mas, não é só de informática e idiomas que as suas informações adicionais precisam viver. Inclua também os seus interesses, atividades extracurriculares, trabalhos voluntários, workshops, palestras, certificações, prêmios recebidos e até os seus hobbies.

Essas informações podem ser o diferencial que vão fazer a empresa entender que você é o profissional adequado para trabalhar com eles.

Dicas para otimizar seu currículo de recepcionista

Mesmo que um currículo seja bom, ele sempre pode ser melhorado e aumentar as suas chances de conquistar uma vaga. Algumas dicas podem ajudar:

  • Releia constantemente: assim caso haja algum erro que passou despercebido, você pode atualizá-lo;
  • Nessa releitura, cheque se as seções estão bem destacadas e definidas e se o processo de leitura é agradável;
  • Mantenha-o atualizado: sempre que ganhar uma nova experiência, aprender uma nova habilidade e iniciar ou concluir um curso, inclua a informação no currículo. Mas, para isso, você também precisa se manter atualizado e buscar aprender sempre;
  • Reavalie o modelo e apresentação visual do currículo;
  • Revise conforme as orientações que já passamos.

Resumo: escreva um currículo de recepcionista pronto

Não custa nada relembrar todas as seções que o seu currículo precisa apresentar para que seja bem completinho:

  • Título com nome completo, informações pessoais e dados de contato (telefone residencial, celular, e-mail e LinkedIn);
  • Apresentação: resumo ou objetivo profissional;
  • Experiências anteriores detalhadas;
  • Formação acadêmica e complementar;
  • Habilidades técnicas e interpessoais;
  • Informações adicionais: habilidades de informática, idiomas, interesses, atividades extracurriculares, trabalhos voluntários, workshops, palestras, certificações, prêmios recebidos e hobbies.

Agora que você já sabe tudo isso, só falta montar o seu currículo, certo? Então, torne a tarefa ainda mais fácil com um dos nossos modelos prontos de currículo!

Obtenha mais oportunidades com uma carta de apresentação

Escrever não é novidade para um recepcionista, então, que tal usar a habilidade para melhorar as chances de conseguir a vaga? A estratégia é entregar também uma carta de apresentação para currículo de recepcionista ao candidatar-se a uma vaga.

Como o próprio nome já indica, trata-se de uma forma de se apresentar ao recrutador. Mas, de um modo bem mais detalhado do que o resumo profissional e o objetivo profissional permitem.

Entretanto, isso não significa que você deva escrever páginas e páginas. Três parágrafos são o suficiente para fazer uma apresentação mais aprofundada e você pode estruturá-los da seguinte maneira:

  • 1º parágrafo: Apresente-se! Escreva seu nome, informações pessoais que julgar úteis e conte a sua trajetória profissional, incluindo experiência e formação. Tente trazer coisas novas em relação ao que está no currículo para não se repetir.
  • 2º parágrafo: Mostre que você é necessário! Conte como você pode contribuir para suprir as necessidades da empresa.
  • 3º parágrafo: Instigue para o próximo passo! Finalize com uma chamada para o recrutador ler o seu currículo e entrar em contato com você.

Além disso, vale a pena personalizar a carta de apresentação, de acordo com as especificidades de cada vaga e empresa.

Ao usar um dos nossos modelos de currículo, não deixe de conhecer também os nossos modelos de cartas de apresentação que certamente farão toda a diferença na disputa de uma vaga!

Perguntas mais frequentes

Ficou alguma dúvida? Então, o nosso FAQ pode te ajudar:

O que escrever no e-mail ao enviar o currículo?

Seja educado, breve e finalize com uma mensagem gentil dizendo que aguarda o retorno do recrutador.

Quanto tempo devo esperar pelo retorno?

Tudo depende da vaga e da concorrência. Como nem sempre é possível saber quantas pessoas disputam a vaga com você, vale a pena esperar algumas semanas antes de entrar em contato com a empresa novamente.

Artigos similares